sexta-feira, 25 de abril de 2014

DESTAQUES DO AÇORIANOS DE MÚSICA 2013

Na Categoria Regional, Jaime Vaz Brasil levou três prêmios
Foram entregues na noite de ontem, 24 de abril,  no Auditório Araujo Viana, os troféus do Prêmio Açorianos de Música 2013,  um dos principais reconhecimentos aos artistas do Rio Grande do Sul.  Promovido pela Secretaria de cultura de Porto Alegre, o Açorianos premia os destaques de várias categorias musicais, bem como suas produções.
Nesta edição, o grande homenageado foi Lupicínio Rodrigues, bem como sua principal intérprete, a cantora Lourdes Rodrigues.

Os premiados foram:

Álbum do ano
"Foi No Mês Que Vem", de Vitor Ramil
Espetáculo
O Grande Encontro - Os Sucessos dos Festivais (Vários artistas)
Revelação
Paola Matos, por Brasileirice

DVD: Contos Acústicos de Água e Fogo, de Nenhum de Nós
Álbum Infantil:  Mandinho, de Leandro Maia
Produtor Musical: Vitor Ramil, por Foi No Mês Que Vem, de Vitor Ramil
Arranjador: Tasso Bangel por Cidade & Campo, de Camerata Pampeana
Projeto Gráfico: Felipe Taborda, Lygia Santiago, Nara Amélia e Ana Ruth Miranda por Foi No Mês Que Vem, de Vitor Ramil

CATEGORIA ÁLBUM

 - GÊNERO POP - 
Compositor Pop: Humberto Gessinger, por Insular
Intérprete Pop: Alexandre Kumpinski, por Antes Que Tu Conte Outra, da Apanhador Só
Instrumentista Pop: Duca Leindecker por Voz, Violão E Batucada
Álbum Pop:  Antes Que Tu Conte Outra, da Apanhador Só

 - GÊNERO MPB - 
Compositor MPB: Gisele De Santi, por Vermelhos E Demais Matizes
Intérprete MPB: Vitor Ramil por Foi No Mês Que Vem
Instrumentista MPB: Cristian Sperandir por Brasileirice, de Paola Matos
Álbum MPB: Foi No Mês Que Vem, de Vitor Ramil

 - GÊNERO INSTRUMENTAL - 
Compositor Instrumental: Maestro Tasso Bangel por Cidade & Campo, de Camerata Pampeana
Intérprete Instrumental: Renato Velho por 50 Tons De Blues, de Renato Velho e Manéco Rocha
Instrumentista Instrumental: Paulinho Cardoso por Festa
Álbum Instrumental: Cidade & Campo, de Camerata Pampeana

 -GÊNERO ERUDITO -
Compositor Erudito: Celso Loureiro Chaves por Balada Para O Avião Que Deixa Um Rastro De Fumaça No Céu / Estética do Frio II
Intérprete Erudito: Daniel Wolff por Porto Allegro
Instrumentista Erudito: Daniel Wolff por Porto Allegro
Álbum Erudito: Porto Allegro, de Daniel Wolff

 - GÊNERO REGIONAL - 
Compositor Regional: Jaime Vaz Brasil, por Ivo Fraga Interpreta Jaime Vaz Brasil
Intérprete Regional: Ivo Fraga, por Ivo Fraga Interpreta Jaime Vaz Brasil
Instrumentista Regional: Luciano Maia, por Com O Campo No Coração, de A Lo Largo
Álbum Regional: Ivo Fraga Interpreta Jaime Vaz Brasil, de Ivo Fraga e Jaime Vaz Brasil

quinta-feira, 24 de abril de 2014

DIA DO CHURRASCO E DO CHIMARRÃO. E DO 35 CTG.

Instituído pela lei 11.929, de 20 de junho de 2003, de autoria do deputado Giovani Cherini, o dia 24 de abril foi definido como o Dia do Churrasco e do Chimarrão.
A data de 24 de abril foi sugerida pelo próprio MTG – Movimento Tradicionalista Gaúcho, porque neste dia, em 1948, era fundado o 35 CTG, o pioneiro dos Centros de Tradição Gaúcha.
Na mesma lei ficou instituído também o Churrasco como “Prato Típico” e o Chimarrão como “Bebida Símbolo” do Estado do Rio Grande do Sul.


Então, Viva o Churrasco e Viva o Chimarrão !!!!    

E parabéns ao "pioneiro" 35 CTG pelos 66 anos de fundação.

segunda-feira, 14 de abril de 2014

CONHECIDOS O PEÃO E O GURI FARROUPILHA DO RS

De10 a 12 de abril, foi realizado na cidade missioneira de Giruá, o 26º Entrevero Cultural de Peões, concurso que elegeu os Peões e os Guris Farroupilhas do  Rio Grande do Sul.
Os concorrentes foram submetidos a uma criteriosa avaliação enquanto desenvolveram atividades culturais, artísticas e campeiras, como fazer churrasco,  tosquiar ovelha e laçar boi, por exemplo.
Ao final destacaram-se os seguintes candidatos:

Categoria Peão
Peão Farroupilha do RS:  Lucas Henrique Xavier - 7ª RT          
2º Peão Farroupilha do RS: Gustavo Taynã Leal de Melo - 3ª RT
3º Peão Farroupilha do RS:  Gregory Gonçalves - 11ª RT

Categoria Guri
Guri Farroupilha do RS:  Andrei Righi Seixas - 13ª RT
2º Guri Farroupilha do RS: Gustavo Henrique dos Santos - 9ª RT

3º Guri Farroupilha do RS:  Giulio Ariel Menin - 20ª RT

segunda-feira, 7 de abril de 2014

26º ENTREVERO DE PEÕES

O 26º Entrevero Cultual de Peões do Rio Grande do Sul acontecerá nos dias 10, 11 e 12 de abril, na cidade missioneira de Giruá. O concurso elegerá o  Peão Farroupilha  e o Guri Farroupilha do Estado.
Os candidatos serão avaliados de acordo com os seguintes parâmetros:
I – Provas Campeiras  -  Valendo 40 pontos.
Será sorteada uma destas atividades:
Assar Churrasco; Charquear; Cevar o Mate; Emalar Capa ou Poncho
 
Provas a pé: Trançar; Tosquiar; Tosar; Pealar. 
Provas a cavalo:  Laço;  Aparte;  Prova de Rédeas
Sem tempo definido, mas impedido fazê-la “a passo”.
Destas, o candidato executará duas de sua livre escolha.
O candidato terá ainda que encilhar o cavalo no tempo de doze minutos.
II – Provas Culturais:
a) Prova Escrita  -  Valendo  20 pontos.
 b) Prova Oral  -   Valendo  10 pontos.
III - Prova Artística   -  Valendo  20 pontos.
O candidato terá que executar as seguintes modalidades:
Dança de Salão Tradicional Gaúcha
Dança Tradicional Gaúcha,
Declamar,
Tocar um instrumento
Poderá ainda Cantar ou Trovar
IV – Ficha – relatório - Valendo 10 pontos.
O que é concurso?
Na 27ª Convenção Tradicionalista, realizada em julho de 1988, na cidade de Caxias do Sul, foi aprovada a criação do concurso, inicialmente com o título de "Concurso Troféu Farroupilha".  A primeira edição foi realizada em maio de 1989, paralelamente ao Concurso Estadual de Prendas, que acontecia em Cachoeira do Sul-RS.  Na ocasião foi eleito o peão Aguinaldo Reis, representante do P.L. Esteios de Japeju,  de Uruguaiana. Em julho de 1991, na 32ª Convenção Tradicionalista de Pedro Osório-RS, ficou determinado que  o concurso passara a realizado junto à Festa Campeira do Rio Grande do Sul - FECARS. Naquela edição o concurso passou a eleger, além do  Peão Farroupilha, os  "Destaques", isto é, o primeiro colocado seria  Peão Farroupilha do estado e mais os Destaques Cultural, Artístico e Campeiro, conforme as notas mais altas nestes segmentos.
Em seguida, na 35ª Convenção, de julho de 1992, por sugestão do então Peão Farroupilha do Estado, Maurício Sussembach Abreu,  o evento passaria a ser realizado na cidade do Peão Farroupilha.
Em julho de 1995, na 40ª Convenção Tradicionalista, realizada em Canguçu, a equipe de Peões do Estado aprovou proposta de criação da categoria Juvenil, denominada Guri Farroupilha. A partir de 2002, por iniciativa da Diretoria do MTG, o Concurso passou a receber, também, a denominação de Entrevero Cultural de Peões.
No ano de 2013, o Peão e o Guri Farroupilha que venceram o concurso eram candidatos da mesma cidade, Giruá.