quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

CAVALGADA DO MAR ACONTECE EM FEVEREIRO


Está confirmada a realização da 31ª Cavalgada do Mar, tradicional evento que reúne milhares de cavalarianos com o mesmo objetivo, qual seja de percorrer, no lombo de seus cavalos, os 200 km de areia das praias do Litoral Norte gaúcho.
Em 2015 o percurso inicia em Torres, no dia 07 de fevereiro e culmina sete dias depois em Dunas Altas/Palmares do Sul.
A Cavalgada deste ano acontecerá como justa e merecida homenagem ao seu grande Comandante, o  tradicionalista Vilmar Romera,  que liderou os cavaleiros do mar por mais de vinte anos.  Romera faleceu no dia 04 de dezembro de 2014, deixando uma lacuna enorme no meio tradicionalista gaúcho. 

A 31ª Cavalgada do Mar foi lançada oficialmente em evento realizado no Galpão Leopoldo Rassier, da OAB/RS e contou com a participação do vice-presidente nacional da OAB, Claudio Lamachia.  Também marcaram presença:  Braulio Marques, Oraides Marques, Reginaldo Pujol, Zete Blehm, Fernando Flores, Levi Straatmann, Air Bergenthal, Marino Outeiro, Claudio Mello, Regina Guimarães, Angela Blume Borba, Antônio Roberto da Silba Pinto, João Puerari, Marcioli Pereira, Marco Antônio Teixeira Santos, Marçal Eron Pires da Silveira, Paulo Sérgio Diniz da Costa, Teodirce Beihl, Paula Simão Batista, Antenor Tatsch Júnior e Simone Brogni.

Fonte: www.oabrs.org.br

GURIZADA DE FUNDAMENTO

No último domingo, depois da caminhada matinal, eu e meu afilhado Bruno Reis, chimarreávamos na Redenção, quando fomos abordados por um grupo de jovens que nos presenteou com um exemplar do livro  "Viva com Esperança".   Curioso, dirigi-me àquela gurizada simpática, bem falante e de boa aparência, querendo saber mais sobre a atividade. 
Eles fazem parte de um grupo de trinta jovens, integrantes da Missão Calebe, projeto assistencial que acontece no Brasil e em mais sete países da America.  Esses moços e moças, dedicaram  quinze dias de suas férias, até o dia 07 de fevereiro,  para desenvolverem um trabalho voluntário, entregando gratuitamente esses livros em locais de grande circulação de pessoas, casos do Parque da Redenção, Usina do Gasômetro, Mercado Público e Centro Histórico de Porto Alegre.
O livro “Viva com Esperança”, editado pela Casa Publicadora Brasileira, apresenta formas práticas de buscar saúde e qualidade de vida.

Segundo o release enviado pela Associação Sul  Riograndense da Igreja Adventista, em todo o Estado, mais de 1.500 jovens estão engajados na Missão Calebe e envolvidos com ações comunitárias como esta neste mesmo período. Em Pelotas, por exemplo, asilos, orfanatos e hospitais receberam a visita desses jovens desde o início dessa semana e a intenção é continuar com as ações em prol da comunidade até o final da campanha. Por lá eles também querem restaurar uma escola pública que há alguns meses foi vandalizada. 

Coisa boa presenciar ações como esta, que demonstra que os valores da juventude ainda não estão totalmente distorcidos.

Parabéns a essa gurizada de fundamento !

Serviço: Ação Solidária de Jovens Voluntários
Data: de 24 de janeiro a 7 de fevereiro
Horário: Dia todo

Contato do organizador da Campanha em Porto Alegre: 
Israel Cavalli:  Celular: (51) 81059859
Contato do organizador da Campanha em Pelotas: 
Rafael Sengik:  Celular: (53) 81070372
Contato do organizador geral da Missão Calebe no leste do Rio Grande do Sul: Rodrigo Machado: Celular: (51) 81052803
Assessoria de Imprensa: 
Bianca Lorini 
Celular: (51) 82488051
Felipe Lemos 
Celular: (61) 8121-1723
E-mail: felipe.lemos@adventistas.org.br (responsável na América do Sul).

domingo, 18 de janeiro de 2015

PARABÉNS GERMANO!!!


Minha postagem de hoje, faço questão de dedicar especialmente ao meu amigo, meu parceiro, meu artista predileto, meu filho querido Germano Reis, que neste dia 18 de janeiro completa 28 anos anos de idade. 
Músico, cantor, compositor, ator e acima de tudo uma grande figura humana, motivo de orgulho pra mim e para toda a nossa família Reis. 
Que Deus o abençoe, hoje e sempre, concedendo-lhe saúde, paz, alegrias e muitas conquistas, tanto na vida pessoal quanto na profissional. E que Ele me deixe viver muito tempo ainda pra que eu possa aplaudi-lo e vê-lo brilhar cada vez mais. 
Meu ídolo.  Amo demais.
Parabéns e um beijo do pai.

terça-feira, 6 de janeiro de 2015

DIA DE REIS - CANTADORES AÇORIANOS


Neste dia 06 de janeiro, comemora-se o “Dia dos Santos Reis, ou simplesmente “Dia de Reis”, efeméride de conotação folclórica e religiosa associada ao nascimento de Jesus Cristo, o Rei Menino.
É tradicional, principalmente nos municípios de origem portuguesa e açoriana, no período entre o Natal e o dia 06 de janeiro, as apresentações dos Ternos de Reis, que são grupos musicais, formado por cantadores e músicos, munidos de instrumentos como gaita, viola, rabeca, tambor, triângulo e, muitas vezes também o cavaquinho e o pandeiro.  Estes Ternos, numa alusão a peregrinação dos Três Reis Magos,  saem, de propriedade em propriedade ou de casa em casa, a anunciar cantando, o nascimento de Cristo.  Os integrantes dos Ternos são denominados de Mestre ou Guia, Ajudante de Mestre, Contramestre, Ajudante de Contramestre, Tipe e Tambor.
Os Ternos participam, com as famílias, das orações diante do presépio, que só será desmontado após o dia 06 de janeiro.
É uma festividade tradicional, baseada nos acontecimentos descritos nas Sagradas Escrituras.


Como funciona um Terno de Reis:
Chegando à frente da casa, o Terno faz uma saudação ao dono da residência, em versos, pedindo permissão para cantar e explicando sua chegada ali. Convidado a entrar pelo dono da propriedade, o Terno adentra a residência e lá, diante do presépio, executa a chamada “louvação”, baseada nos seguintes temas: anunciação, nascimento, estrela guia, Reis Magos, adoração, oferendas, agradecimento e despedida, em diversas estações. Essas estações começam na véspera do dia 25 de dezembro, prosseguem no dia de Natal e terminam no período entre 1º e  06 de janeiro, Dia de Reis e, em alguns casos, até mesmo depois.
O objetivo da visita varia de um terno para o outro; alguns visam unicamente louvar a memória do Jesus Menino. Outros, visam propiciar aos cantadores uma doce retribuição ao desgaste de suas cordas vocais, através de fartos comes e bebes que os donos da casa nunca se esquecem de oferecer. E, finalmente, há aqueles que, premidos pelas necessidades materiais que muitas vezes afligem nossos trabalhadores rurais, saem "pedindo os Reis", na certeza de que, ao menos no interior, ainda não se esqueceram de todas as lições de fraternidade que Cristo legou aos homens de boa vontade.
Os Ternos de Reis ainda continuam muito populares nas pequenas cidades ribeirinhas, de colonização portuguesa, nos vales do Jacuí, Caí, Gravataí, Sinos, à beira da Lagoa dos Patos e na costa litorânea entre Rio Grande e Torres, além de alguns municípios como Taquara e Santo Antônio da Patrulha.


E é justamente em Santo Antônio da Patrulha, minha terra natal, que acontece, hoje a noite, uma belíssima apresentação do grupo Cantadores Açorianos, formado pelos integrantes da família Machado Ramos, liderados pelo meu amigo, meu irmão, Odilon Ramos.
Além dos tradicionais cantos de Terno de Reis, os Cantadores apresentam Cantigas de Oilarai, Canções e Modinhas Açorianas, Poesias e outras manifestações folclóricas.
O espetáculo acontece a partir das 8 horas da noite num cenário bonito e de grande valor histórico, a Fonte Imperial.      A entrada é franca.
Importante citar que o espetáculo Cantadores Açorianos é financiado pelo FAC – Lei de Incentivo à Cultura, do Governo do Estado do RS e temo apoio da prefeitura municipal de Santo Antônio da Patrulha.