segunda-feira, 30 de agosto de 2010

SEARA DEFINE CONCORRENTES

A Seara da Canção, de Carazinho, retorna ao calendário de eventos do estado e tem sua 16ª edição, progreamada para o período de 23 a 26 de setembro.
A comissão avaliadora, formada por Eraci Rocha, Flávio Hanssen, Jaime Brum Carlos, João Ari Ferreira e José Américo Xavier, definiu as seguintes classificadas.
Fase Geral:
1.O MEDO (Mario Amaral/Carlos Catuípe)
2.ALUAMENTO (Vaine Darde /Tuny Brum)
3.SOLITO (Mauro Dias/Telmo Vasconcelos/Matheus Alves)
4.TESTAMENTO TROPEIRO (Everton Michels/Robson Fogaça)
5.O POETA E A FOLHA VAZIA (Martin Cesar/Paulo Timm)
6.DO JEITO QUE DÁ (Osmar Proença/Luciano Rodrigues)
7.PITALUGA DE LUZEIRO (Rafalel Chiapetta/Lisandro Amaral/Guilherme Collares)
8.TINQUILIBRA CORPO VEIO (Marco Antônio Nunes/Amilton Brum/Eri Côrtes)
9.DIAS "MORENO" (Luciano Ferreira/Edson Vargas)
10. RONDA GALPONEIRA (Eron Carvalho/Sérgio Rosa)
11. ESSÊNCIA GUARANI (Carlos Alberto Dahmer/Luis Alberto Pires/Valdomiro Maicá)
12. ASSIM NÃO DÁ (Gilberto Lamison)
13. LÉGUAS DE TREVO (Heleno Cardeal/Lanes Cardeal)
14. DE VOLTA A SOROCABA (Chico Saga/Ivo Ladislau/Mario Tressoldi)
Fase Municipal
1.PINGO DE MARCA (Décio Neuls)
2.SOLIDÃO, CAMPO E DESEJO (Carlos Rossoti)

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

RONDA DOS FESTIVAIS NA 1120 RURAL

Atenção festivaleiros de todo o Brasil. O universo dos festivais nativistas passará a ter um espaço diário na Rádio AM 1120 RURAL. Retorna a grade de programação da emissora, o programa RONDA DOS FESTIVAIS, produzido e apresentado por mim, Jairo Reis, de segunda a sexta-feira, as 18 horas, a partir do dia dia 06 de setembro. No roteiro da atração, informações sobre os festivais de música e de poesia, entrevistas com personagens deste universo, e destaque especial para as obras musicais e poéticas surgidas nos palcos destes eventos.
A AM 1120 Rural está chegando mais longe agora com seus 50 kw de potência e ainda pode ser sintonizada através do site www.clicrbs.com.br/rural ou via antenas parabólicas, sintonizando a frequência 4171 Mhz Banda L 0980 Mhz Brasil Sat B1 áudio 6.2*.

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

VEM AÍ O 3º LAÇADOR


O Laçador do Canto Nativo é um festival criado por mim, no ano de 2006, a pedido do então Coordenador de Tradição e Folclore de Porto Alegre, Nei Fagundes Machado. Produzi e coordenei as duas primeiras edições do festival e, embora não estando envolvido na terceira edição, fico feliz com seu o retorno ao calendário de eventos do estado. O 3º Laçador está programado para os dias 13,14 e 15 de setembro, numa parceria com a Acofem, por intermédio do projeto Resgate, que recebe verba federal. As incrições podem ser encaminhadas até o dia 03 de setembro, para Secretaria Municipal da Cultura – Coordenação de Tradição e Folclore - Avenida Presidente João Goulart, 551 – 6º andar – Usina do Gasômetro - Porto Alegre/RS. Informações pelos telefones: (51) 3289.8119 / 9903.7178.
Serão selecionadas 16 músicas que receberão ajuda de custo de R$ 2.000,00. As 12 finalistas farão jus a mais R$ 500,00. O regulamento do festival está publicado no site www.semanafarroupilha.com.br

CONCORRENTES - 17ª ESTÂNCIA DA CANÇÃO








Recebi do compositor e amigo Fábio Prates, a relação das canções classificadas para a 17ª Estância da Canção Gaúcha, festival que acontece de 14 a 17 de outubro na ciade de São Gabriel.
As concorrentes são as seguintes:
FASE ESTADUAL
1. “Ao Meu Picanço Arapuca” (Milongão)
Letra: Henrique Fernandes / Gilberto Lamaison
Música: Gabriel Lucas dos Santos
2. “Ares de Milonga” (Milonga)
Letra: Eron Carvalho
Música: João Chagas Leite
3. “Banhado Grande” (Milonga)
Letra: Heleno Cardeal
Música: Pedro Guerra
4. “Campeira” (Milonga)
Letra e música: Erlon Péricles / Duca Duarte
5. “Eu e Meu Cavalo” (Chacarera)
Letra e música: Angelo Franco
6. “Lá no Rincão dos Bocó” (Vaneira)
Letra: Tadeu Martins
Música: Érlon Péricles
7. “Meus Chasque Não Tem Floreio” (Chamarra)
Letra: André Oliveira
Música: Luciano Maia
8. “Motivos” (Valsa)
Letra: Fábio Prates / Mauro Dias / Zeca Alves
Música: Fábio Prates
9. “No Osso do Peito” (Milonga)
Letra e Música: Mauro Moraes
10. “O Homem das Tropas” (Chimarrita)
Letra: Xirú Antunes
Música: Luciano Maia
10. “Pitaluga de Luzeiro” (Chamarra)
Letra: Rafael Chiapeta
Música: Lisandro Amaral / Guilherme Collares
11. “Ponta de Lança” (Chamarra)
Letra: Márcio Nunes Correa / Hélvio Luis Casalinho
Música: Márcio Nunes Correa / Fabiano Bacchieri
12. “Pra Encilhar Caminhos”(Chamamé)
Letra: Mário Amaral
Música: Tuny Brum
13. “Respeito” (Milonga)
Letra: Adriano Alves
Música: Jari Terres
14. “Segunda-Feira Bem Cedo” (Chamarra)
Letra: Rogério Villagran
Música: Rogério Villagran, Kiko Goulart e Vitor Amorim
15. “Vaca Parada” (Milonga)
Letra: Eduardo Munhoz / José Carlos Batista de Deus
Música: Fabrício Harden

REVENDO AMIGOS NA TERTÚLIA

Estive ontem no Auditório Dante Barone, prestigiando a III Tertúlia Maçônica da Poesia Crioula, festival organizado pela Maçonaria gaúcha. Além se assitir aos ótimos declamadores interpretando poemas igualmente excelentes, tive a oportunidade e rever amigos e confraternizar com eles. Na coordenação do festival, o dileto amigo Léo Ribeiro de Souza, poeta e compositor serrano; o apresentador do evento era o Tomaz Schuch, grande amigo e meu primo emprestado; no juri, estava Rodrigo Medeiros, outro baita amigo e meu orientador quando a situação tá enferruscada. Estavam também por lá o Pedro Junior, declamador conceituado e parceiro dos buenos; o Cândido Brasil, recém empossado como presidente da Estância da Poesia Crioula; o poeta Tadeu Martins, um dos maiores artistas plásticos do estado, de cuja a amizade eu tenho a honra de desfrutar; o coronel Moisés Menezes, o Clênio Bibiano, a Liliana Cardoso, o Paulo Ricardo Santos, o Adão Bueno, o Diego Geisler, o Jader Leal, o Luiz Kuhr, o Pierre e a Patrícia, o Mauro Rosa de São Lourenço do Sul, amizades construídas pelos festivais a fora. Fico feliz quando reencontro amigos e mateio com eles, mesmo que por breves instantes.
Quanto ao resultado do festival, está lá no blog www.rondadosfestivais.blogspot.com.

segunda-feira, 23 de agosto de 2010

GILDINHO RECEBERÁ TROFÉU GURI

O conjunto OS MONARCAS, de Erechim, e o seu grande líder GILDINHO, acordeonista, cantor e compositor, receberão o Troféu Guri, no próximo dia 31 de agosto, as 20h, na Casa RBS, durante a Expointer 2010. Uma das honrarias mais cobiçadas, o Troféu Guri é uma iniciativa da Rádio Gaúcha com o objetivo de homenagear anualmente, 10 personalidades que fazem o Rio Grande do Sul se destacar cada vez mais no Brasil e no Mundo.
Gildinho é batizado Nésio Alves Correia, nascido em 18 de janeiro de 1942, em Soledade. Fundador do Grupo Os Monarcas, é um dos nomes mais importantes da música regional gaúcha.
A revelação dos homenageados foi anunciada pelo jornalista Lasier Martins no programa Gaúcha Repórter desta segunda-feira.
Os outros nove homenageados:
José Camargo: médico;
Celestino Valenzuela: jornalista e narrador esportivo;
Luiz Antônio de Assis Brasil: escritor, músico e advogado;
Alexandre Garcia: jornalista e apresentador de TV;
Pedro Monteiro Lopes: agropecuarista e advogado;
Wilson Zanata: empresário e produtor rural. Diretor da empresa Bom Gosto;
Zênia Aranha da Silveira: estancieira. Neta de Osvaldo Aranha;
Clóvis Tramontina: empresário. Presidente da Tramontina;
Paulo Belinni: empresário. Fundador da Marcopolo e seu atual presidente.

POSSE DA ESTÂNCIA DA POESIA CRIOULA

Aconteceu neste sábado, dia 21 de agosto de 2010, às 15 horas, no Auditório do Museu Julio de Castilhos, centro de Porto Alegre, a posse da nova diretoria da Estância da Poesia Crioula do Rio Grande do Sul. Assumiu como presidente o poeta Cândido Brasil, nascido em Porto Alegre, mas criado no “Triângulo Crioulo”, entre as cidades de Santiago, Nova Esperança do Sul e Jaguari, atualmente residindo em Cachoeirinha.
A apresentação do evento esteve a cargo da declamadora Adriana Braun e do pajador Paulo de Freitas Mendonça, que também brindaram o público com sua arte, tendo o acompanhamento de Paulinho Pires ao violão, emocionando a todos.
A solenidade contou com os pronunciamentos dos poetas, ex-presidentes da entidade, Léo Ribeiro de Souza, em nome da Comissão de Notáveis, que conduziu o processo eleitoral, e José Machado Leal, que ora passava o cargo.
Foi apresentado um vídeo sobre a Estância da Poesia Crioula, mostrando desde a sua fundação, passando por ações desenvolvidas ao longo da história, até o momento atual.
Foram empossados para dirigir a entidade na gestão 2010/2012 os seguintes poetas:
Presidente: Cândido Brasil (foto a direita)
Vice-Presidente: Avelino Alexandre Collet
Secretário Geral: Léo Ribeiro de Souza
2º Secretário: Darcy Everton Dárgen
1º Tesoureiro: Sidinei Azambuja
2º Tesoureiro: Paulo Roberto de Fraga Cirne
Conselho Deliberativo:
Paulo Zeni Araújo
Beatriz de Castro
Paulinho Pires
Conselho Fiscal:
Luiz Alberto Ibarra
Sued Macedo
Dilmar Xavier da Paixão.
Em anexo fotos do evento

DESCARGA "ELÉTRICA" NA MOENDA

Surpreendente o resultado da 24ª Moenda. Na minha opinião e da grande maioria das pessoas que assistiram o festival que preferiam a vitória de outras músicas como "Escritos do Muro Flutuante", "Cabeça" e "Violas do Sul do Brasil". No entanto, o primeiro lugar foi para "Elétrica", uma "milonga rock" escrita, musicada e arranjada por Érlon Péricles, que também a interpretou ao lado de Pirisca Grecco. Uma zoeira no palco, com direito a distorção de guitarra e um "gritedo" que certamente agradou aos jurados, Caetano Silveira, Leandro Cachoeira, Shana Muller, Zebeto Correa e Rodrigo Bauer. Creio que até o próprio Érlon, ficou surpreso com o resultado, pois admitiu em comentários de bastidores que o grupo havia "passado do ponto" na apresentação. Sou fã do Érlon e o tenho como um dos principais nomes do nativismo gaúcho, assim me dou a liberdade de eventualmente criticar uma ou outra de suas criações. E não vou deixar de admirá-lo só porque não gostei da música em questão. Bueno, mas agora "o resultado ta aí, tem gente que chora, tem gente que chora de rir", como diz a música "O Festival", de Fernando Corona, que virou hino da Moenda.
Eis os premiados:
1º Lugar: ELÉTRICA
Autor: Érlon Péricles
Intérpretação: Érlon Péricles e Pirisca Grecco
2º Lugar: CABEÇA
Autores: Vinicius Brum/Tuny Brum
Intérprete: Vinícius Brum
Melhor Música Opinião Público: VIOLAS DO SUL DO BRASIL
Autores: Mario Tressoldi/Chico Saga
Intrepretação: Grupo Chão de Areia
Melhor Intérprete: BABI JAQUES (Lágrima do Palhaço)
Melhor Instrumentista: TEXO CABRAL (Em Paz/De Arrepiar a Alma)
Melhor Letra: CABEÇA
Melhor Arranjo: ESCRITOS DO MURO FLUTUANTE (Jaime Vaz Brasil/João Bosco Ayalla/Everson Maré) (foto a direita)

domingo, 22 de agosto de 2010

AS FINALISTAS DA MOENDA

E segue a 24ª Moenda, festival da minha terra, Santo Antônio da Patrulha. A noite de sábado,21, iniciou com um baita show do Cristiano Quevedo , prosseguiu com nove músicas concorrentes e foi encerrada com a espetacular apresentação do Grupo Tholl no show "Exotique". Chamou a atenção a superioridade técnica das canções de sábado em relação às de sexta-feira, fazendo com que das 10 finalistas, 8 são da segunda noite, da qual eu destaco "Cabeça", de Tuny e Vinicíus Brum, e "Escritos do Muro Flutuante" (foto), de Jaime Vaz Brasil, João Bosco Ayalla e Everson Maré.
A final deste domingo inicia as 19 horas, com a apresentação de músicos patrulhenses cantando a Moenda e encerra com os "menudos" Arison e Emerson Martins. Entre os shows, as 10 finalistas que são as seguintes:
EM PAZ
(Duca Duarte) Int: Pirisca Grecco
VIOLAS DO SUL DO BRASIL
(Chico Saga/Mario Tressoldi) Int: Chão de Areia
GEOGRAFIA DA INSÔNIA
(Jaime Vaz Brasil/Adriano e Christian Sperandir) Int: Adriana Sperandir
DE ARREPIAR A ALMA
(Paulo Righi/Carlo Omar/Guilhermo Conti/Piero Ereno)
Int: Juliana Spanevello
ELÉTRICA
(Érlon Péricles) Int: Érlon Péricles e Pirisca Grecco
A PEDRA QUE DESPENCOU
(Diego Muller/Sergio Sodré/Cristiano Barbosa/Robledo Martins/Mauricio Lopes)
Int: Robledo Martins
A LÁGRIMA DO PALHAÇO
(Bob Jaques/Tiago Laserre) Int: Bárbara Jaques
CABEÇA
(Tuny Brum/Vinícius Brum) Int: Vinícius Brum
MOLEQUE
(João Correia) Int: João Correia
ESCRITOS DO MURO FLUTUANTE
(Jaime Vaz Brasil/João Bosco Ayalla/Everson Maré)
Int: Robledo Martins

sábado, 21 de agosto de 2010

NOTÍCIAS DA MOENDA

A primeira noite da 24ª Moenda da Canção começou com uma pequena encenação do evento que marca a criação do municipio (foto), quando em 1753, Inácio e Margarida levantaram uma capela em louvor a Santo Antônio. Depois o acordeonista Samuel Costa, patrulhense como eu, deu um verdadeiro show enfatizando a obra de três mestres da gaita, Dominguinhos, Sivuca e Renato Borghetti. No enceramento, Victor Hugo, Geraldo Flach e Fernando do Ó, colocaram a platéia pra dançar com "Tantos Carnavais". Entre os dois espetáculos, apresentaram-se as nove músicas concorrentes, dentre as quais, na minha modesta opinião, destacaram-se "A Lembrança", brilhantemente interpretada por Raineri Spohr, e "Violas do Sul do Brasil", com o Grupo Chão de Areia. Cabe registrar o número reduzido de pessoas, não mais do que 500, presentes ao Ginásio que abriga o festival. Isto já vem se repetindo há alguns anos, contrastanto com o tempo em que a noite da sexta-feira acolhia o maior público do evento. Creio, no entanto, que neste sábado, havérá maior comparecimento para prestigiar os concorrentes e os espetáculos de Cristiano Quevedo, na abertura, e Grupo Tholl, no encerramento.
Além da 24ª Moenda, acontece também no parque Caetano Tedesco a 24ª Fenacan - Feira Nacional da Cana de Açucar, da Rapadura, do Sonho e do Arroz, evento cultural e gastronômico com inúmeras atrações.
Santo Antônio da Patrulha é um município do litoral norte gaúcho, diastante 76 km de Porto Alegre.

quarta-feira, 18 de agosto de 2010

CÂNDIDO BRASIL NA ESTÂNCIA DA POESIA

O poeta e escritor Cândido Brasil, mateando aí na foto, cria de Nova Esperança do Sul, toma posse como presidente da Estância da Poesia Crioula do Rio Grande do Sul para o biênio 2010/2012. A cerimônia acontece no dia 21 de agosto, as 15 horas, no salão de eventos do Museu Julio de Castilhos, situado à rua Duque de Caxias, 1205, no Centro Histórico de Porto Alegre. Estarei lá prestigiando meu amigo Cândido, deixando meu abraço e os votos de muito sucesso na honrosa missão de liderar os vates da "academia xucra do Rio Grande".

terça-feira, 17 de agosto de 2010

ANOS DE AUSÊNCIA

Há 24 anos que o dia 17 de agosto tem sido uma data de muita saudade para a família Reis e, creio, também para a comunidade de Santo Antônio da Patrulha.
Naquele domingo, sombrio e gelado como os dias invernais de sua terra natal São Francisco de Paula, partiu rumo à Estância Celestial o tradicionalista e líder comunitário Jarcy Cândido dos Reis, meu querido pai, a quem dedico minha eterna saudade. Extremamente dinâmico, enquanto com saúde, o “velho Jarcy“ participou ativamente de diversos movimentos que, direta ou indiretamente, promoveram o bem estar do povo patrulhense. Bem relacionado, contava com a amizade sincera de inúmeras pessoas, desde as mais humildes até aquelas que ocupavam cargos e posições mais destacadas. Suas iniciativas em prol da coletividade, se enumeradas, certamente não caberiam nesta página, porém, faz-se mister que eu relembre o importante papel que ele desempenhou na propalação da cultura gaúcha não só em Santo Antônio, como de resto nos demais municípios do litoral norte gaúcho.
Fundador do C.T.G. Cel. Chico Borges, integrou sua patronagem por diversas ocasiões. E foi justamente no período em que exercia o cargo de Patrão da entidade que surgiram os primeiros indícios da enfermidade que acabou por levá-lo de nós. Mesmo doente desempenhou também, com inegável competência, as funções de Coordenador da 23ª Região Tradicionalista do MTG, por três períodos consecutivos. Em 1981, perdeu totalmente a visão, mesmo assim, não deixou de participar dos eventos tradicionalistas de Santo Antônio, sempre conduzido pela sua eterna companheira Maria que, além de esposa, passaria a ser, a partir daquele infortúnio, os olhos que o guiariam pela escuridão que invadiu o limiar de sua vida. Laureado no ano de 1982 com o título de Cidadão Patrulhense, honraria concedida pelo Poder Legislativo de Santo Antônio, meu pai, Jarcy Cândido dos Reis, faleceu quatro anos depois, aos 63 anos de idade.
Desde então tem sido alvo de várias homenagens. Hoje meu pai é nome de Sala, de Biblioteca, de Rua e de um Troféu oferecido pela Moenda da Canção aos melhores letristas do festival.
Todas estas razões já seriam suficientes para qualquer filho orgulhar-se de um pai com esta trajetória de vida, porém, o que realmente marcou a minha existência e certamente as de meus dois irmãos, Dalva e Pedro, foi a postura ilibada como homem, chefe de família, amigo e pai inesquecível.
Por estes motivos, a cada agosto, me bate uma insuportável angústia por estes anos de ausência.

segunda-feira, 16 de agosto de 2010

FENACAN E MOENDA EM SANTO ANTÔNIO

A cidade de Santo Antônio da Patrulha, minha terra natal, está literalmente em festa nesta semana. De 18 a 22 de agosto realiza-se, no parque Caetano Tedesco, a FENACAN 2010 - Festa Nacional da Cana de Açucar, da Rapadura, do Sonho e do Arroz, evento gastronômico, com inúmeras atrações artísticas e culturais, dentre elas os shows de Pirisca Grecco, Julian e Juliano e gravação do programa de TV "Vida no Sul". Paralelamente a Fenacan, iniciando na sexta-feira, acontece também a 24ª MOENDA DA CANÇÃO, um dos mais importantes festivais de música do estado que igualmente oferece excelentes atrações ao seu público. Serão 18 músicas concorrentes e os shows:
Dia 20: Samuel Costa ; Tantos Carnavais
Dia 21: Cristiano Quevedo; Tholl;
Dia 22: "Santo Antônio Canta a Moenda"; Arison e Emerson Martins.
Vale a pena visitar Santo Antônio da Patrulha, não só pelos eventos, mas pra conhecer melhor esse que é um dos quatro primeiros municípios do Rio Grande do Sul, com 250 anos de instalação e de grande representatividade histórica.
Como bom "rapadureiro" estarei lá, revendo amigos e aguardando a presença de voces.

domingo, 15 de agosto de 2010

RESULTADO DO 21º GRITO DE JAGUARI

O 21º Grito do Nativismo Gaúcho, realizado de 13 a 15 de agosto em Jaguari, teve o seguinte resultado:
1º Lugar: Namorado das Rimas (Ramires Monteiro)
Interpretação: Jean Kirchoff
2º Lugar: O Infindo Ciclo dos Dias (Eduardo Canha/Piero Ereno)
Interpretação: Shana Muller e Michele Buss
3º Lugar: A Mulata do Tropeiro (Luciano Rodrigues/Sabani F.Souza)
Interpretação: Francisco Oliveira e Leonardo Paim
Mais popular: Canha com Maranduvá (Tulio Urach/Ricardo Martins)
Interpretação: Cristiano Fantinel
Melhor Poesia: Namorado das Rimas (Ramires Monteiro)
Melhor Interprete: Jean Kirchoff (Namorado das Rimas)
Melhor Instrumentista: Samuel Costa (Samuca) - Meu Sorriso/Namorado das Rimas.

sábado, 14 de agosto de 2010

CHAMA CRIOULA ACESA EM ITAQUI

A Chama Crioula foi acesa pela 63ª vez na manhã deste sábado, no cais do porto da cidade de Itaqui, na fronteira do Brasil com a Argentina. A chama resultou da união de três centelhas, uma vinda da região missioneira, representando os povos indígenas, outra vinda da cidade argentina de La Cruz, alusiva a integração com os hermanos, e uma terceira mantida acesa há 30 anos no município de Itaqui. Representantes das trinta regiões tradicionalistas do MTG acenderam seus candeeiros crioulos no fogo principal e repassarão na época oportuna ás entidades tradicionalistas de suas jurisdições.
Na foto, o patrono da Semana Farroupilha 2010, Rodi Borghetti , e um representante argentino, acencem o fogo farrapo.
Fonte: zerohora.com

SAMUEL COSTA O "SAMUCA".

Conheço o Samuel Costa há uns 20 anos, quando ele recém começava a concorrer como gaiteiro nos rodeios do Rio Grande do Sul. Patrulhense como eu, o "Samuca" já naquela época demonstrava grande habilidade no manejo do acordeon. Seu talento e os inúmeros troféus que conquistou chamaram a atenção de diretores dos principais conjuntos de baile do estado. Os convites apareceram e ele optou por integrar-se ao elenco do Tchê Guri, onde atuou por mais ou menos dois anos, levando a alcunha de "Samuel Negrinho". Já em carreira solo, passou a acompanhar diversos artistas em shows e festivais. Fez parceria com Antonyo Rycardo num espetáculo de música instrumental e atualmente é gaiteiro do grupo que acompanha o cantor Rui Briva. Além disto, não deixou de concorrer em festivais, tendo inclusive classificado um música na 24ª Moenda da Canção, o que acontece de 20 a 22 de agosto, em Santo Antônio da Patrulha, nossa terra. E é lá na Moenda, na sexta-feira, 20, que ele apresenta um baita show em tributo a três grandes acordeonistas: Renato Borghetti, Dominguinhos e Sivuca. Aplaudo aos organizadores da Moenda pelo reconhecimento a importância de Samuel Costa para a música instrumental gaúcha. Eu estarei lá prestigiando o meu amigo e conterrâneo Samuca.

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

PONCHE VERDE

Um dos mais importantes festivais do estado, o Ponche Verde da Canção Gaúcha, comemora em 2010 seu Jubileu de Prata. São 25 anos de trabalho, oportunizando o surgimento de diversas músicas de sucesso no seu palco. Pra esta 25ª edição, o prazo para inscrições termina no dia 21 de setembro. O festival, promovido e realizado pela Prefeitura Municipal de Dom Pedrito, acontece de 12 a 14 de novembro de 2010. Mais informações: http://www.poncheverdedp.com.br/ .

18ª ESCARAMUÇA - DE 21 A 23 DE OUTUBRO

Está confirmada para o período de 21 a 23 de outubro de 2010, a 18ª Escaramuça da Canção Gaudéria, festival promovido pela Prefeitura de Triunfo, através da Secretaria de Turismo e Cultura. As inscrições podem ser encaminhadas para a própria Secretaria ou para o IGTF até o dia 1º de outubro, sem prorrogação. Informações podem ser obtidas pelos telefones (51) 3654.3307 ou (51) 3228.1764, com Terson Praxedes, que é o coordenador do festival. a ajuda de custo é de R$ 1.500,00 e o primeiro lugar receberá R$ 5 mil.

quinta-feira, 12 de agosto de 2010

BAITA VITÓRIA

Que baita vitória do meu Colorado, ontem à noite. Desempenho de time campeão, que tem força e capacidade técnica para buscar o melhor resultado. Agora é só aguardar a quarta-feira que vem pra fazer a festa. O adversário tem nome de uísque, mas daqueles que não dá dor de cabeça. Pra descontrair, vai aí uma charge extraída do blog "Bola nas costas". Dá-lhe INTER!!!!!

quarta-feira, 11 de agosto de 2010

REPONTE DEFINE DATA E JURADOS

O 27° Reponte da Canção, será realizado nos dias 31 de março à 03 de abril de 2011, no Galpão Crioulo do Camping Municipal de São Lourenço do Sul. O festival nativista contará mais uma vez com a presença de músicos, artistas e instrumentistas de todo o Rio Grande do Sul, mantendo a tradição e a identidade nativista da região. Abaixo a listagem dos jurados ecolhidos pelo voto popular durante a edição do ano passado:
Linha Campeira:
Arabi Rodrigues
Robledo Martins (foto)
Alaor Madruga
Linha Livre:
Sérgio Napp
João Bosco Ayala
Maria Conceição
Fonte: Blog do Reponte

EXCLUSIVO: OS JURADOS DO COOPERATISMO

No final da tarde desta quarta-feira, 11, estive no Centro de Formação do Cooperativismo, onde está sendo realizada a triagem das 286 obras inscritas no festival "O Rio Grande Canta o Cooperativismo" em sua 4ª Edição. Por breves instantes acompanhei o trabalho de pré-seleção e pude testemunhar a baita organização liderada pelo coordenador do evento, Zigomar Batista. Numa pausa da função, aproveitei para fotografar os jurados Eraci Rocha, Oscar dos Reis, Fátima Gimenez, Pedro Junior e Camargo, que deverão definir ainda nesta quarta-feira as 30 canções concorrentes.

COOPERATIVISMO

Está acontecendo desde ontem, 10/08, a triagem dos trabalhos inscritos no festival O Rio Grande Canta o Cooperativismo- 4ª Edição. Jurados, dentre os quais o poeta e pajador Pedro Junior da Fontoura, e Comissão Organizadora, liderada pelo amigo Zigomar Batista, analisam criteriosamente as mais de 200 canções inscritas a fim de selecionar as 30 músicas concorrentes. A listagem das classificadas já estará definida no final da tarde desta quarta-feira, 11, mas a divulgação oficial ocorrerá somente no dia 16 de agosto, por conta da análise da documentação dos autores, cujas participações em alguma instituição cooperativa é quesito obrigatório. Caso eu tenha acesso antecipado a relação das classificadas, divulgarei imediatamente aqui no blog e no http://www.rondadosfestivais.blogspot.com/ .

segunda-feira, 9 de agosto de 2010

CESAR E ROGÉRIO LANÇAM CD

Os cantores Cesar Oliveira e Rogério Melo, que formam dupla de grande sucesso na música regional gaúcha, apresentam o CD "Cantiga Para o Meu Chão", mais um grande trabalho destinado ao sucesso. O espetáculo de lançamento acontece nesta quarta-feira, 11 de agosto, as 21horas, no Teatro CIEE, em Porto Alegre.
O evento tem participações especiais do Grupo Coração de Potro e do Grupo de Arte Nativa Os Chimangos.

ERNESTO FAGUNDES LANÇA DVD

Ernesto Fagundes apresenta o DVD "Origens", nesta quarta-feira, 11 de agosto, as 21horas, no Theatro São Pedro. O trabalho é o resultado da pesquisa realizada pelo músico no interior da Argentina, sobre ritmos sul americanos, notadamente a chacarera, e também a respeito da origem do bombo leguero, instrumento no qual ele é especialista.
No espetáculo Ernesto terá a companhia dos músicos Michel Dorfmann, no piano, e Paulinho Fagundes ao violão. Tem ainda participações especiais dos Fagundes, Nico, Bagre e Neto.

20ª GUYANUBA - RESULTADO

Estive na noite de domingo, 08 de agosto, em Sapucaia do Sul para acompanhar a finalíssima da 20ª Guyanuba da Canção Nativa. Lá reencontrei amigos e assisti um festival de boa qualidade técnica. Fui também para prestigiar meu filho Germano Reis que atuava como baixista na canção "Sou Eu", de Rodrigo Moralez, que acabou sendo ecolhida como a Melhor Música da Fase Regional. Mesmo a final tendo iniciado por volta das 19h30, o resultado só foi conhecido na madrugada de segunda-feira. Confira:
1º Lugar: QUANDO O CÉU CHORA SAUDADE (Romulo Chaves/Nilton Ferreira)
Intérprete: Nilton Ferreira
2º Lugar: GATEADA FRENTE ABERTA (Telmo de Lima Freitas)
Intérprete: Flávio Hanssen
3º Lugar: DE VERSOS E PROSA (Carlos Moacir Pinto Rodrigues/Beto Caetano)
Intérprete: João de Almeida Neto
Mais Popular: ZECA MULEIRO (Hermes Lopes/Érlon Péricles)
Intérprete: Cristiano Quevedo
Melhor Musica FAse Regional: SOU EU (Rodrigo Moralez)
Intérprete: Ariane Winck
Melhor Intérprete: FLÁVIO HANSSEN (Gateada Frente Aberta/Rio Andejo)
Melhor Instrumentista: ELIAS REZENDE (Quando o Céu Chora Saudade/Jeito Gaúcho)
Na 13ª Guyanuba Pía o resultado foi o seguinte:
Categoria Piazito:
1º Lugar: Larissa Campos Brito
2º Lugar: João Vitor dos Santos
Categoria Piá:
1º Lugar: Maiquel Filho
2º Lugar: Ingrid Wink

domingo, 8 de agosto de 2010

PAI

Desde que perdi meu saudoso pai, Jarcy Reis, num já distante mês de agosto de 1986, me emociono cada vez que ouço a canção "Pai", de autoria de Fábio Junior. A letra traz uma mensagem maravilhosa e faço questão de dividi-la com voces que visitam o meu blog, particularmente com aqueles que já são pais, para os quais desejo um domingo muito feliz.
PAI
Pai!
Pode ser que daqui a algum tempo
Haja tempo prá gente ser mais
Muito mais que dois grandes amigos
Pai e filho talvez...
Pai!
Pode ser que daí você sinta
Qualquer coisa entre esses vinte ou trinta
Longos anos em busca de paz...
Pai!
Pode crer, eu tô bem, eu vou indo
Tô tentando, vivendo e pedindo
Com loucura prá você renascer...
Pai!
Eu não faço questão de ser tudo
Só não quero e não vou ficar mudo
Prá falar de amor prá você...
Pai!
Senta aqui que o jantar tá na mesa
Fala um pouco tua voz tá tão presa
Nos ensine esse jogo da vida
Onde a vida só paga prá ver...
Pai!
Me perdoa essa insegurança
Que eu não sou mais aquela criança
Que um dia morrendo de medo
Nos teus braços você fez segredo
Nos teus passos você foi mais eu...
Pai!
Eu cresci e não houve outro jeito
Quero só recostar no teu peito
Prá pedir prá você ir lá em casa
E brincar de vovô com meu filho
No tapete da sala de estar
Pai!
Você foi meu herói meu bandido
Hoje é mais muito mais que um amigo
Nem você nem ninguém tá sozinho
Você faz parte desse caminho
Que hoje eu sigo em paz
Pai! Pai....

sábado, 7 de agosto de 2010

LUCIANO MAIA NO ESPAÇO VONPAR

O acordeonista Luciano Maia, o "gigante do acordeon", como eu o alcunhei, se apresenta as 11h da manhã deste domingo, 08 de agosto, no Espaço Vonpar do Theatro São Pedro, bem no centro histórico de Porto Alegre. Baita oportunidade para "lagartear" ao sol, sorvendo um mate e ouvindo a boa música regional gaúcha, com o talento deste grande instrumentista e agora também, cantor. A entrada é franca.

ENTREVERO MUSICAL EM ALVORADA

Os amigos do CTG Campeiros do Sul, do município de Alvorada, convidam para o I Entrevero da Música Gaúcha e o 1º Jantar com Artistas de Alvorada, que acontece neste domingo, 08 de agosto, as 20 horas no galpão do próprio CTG. Mais de 20 artistas, baile e gravação do programa Encantos do Sul, da TVE. Ingressos a "15 pila" por pessoa.

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

ENCONTRO NATIVO

Aproveito minha estada em Osório para rever alguns dos tantos amigos que fiz nos quatro anos os quais residi e trabalhei naquela cidade, entre 1996 a 2000. Procurei também saber das novidades, e não são poucas, nestes dez anos que se passaram desde que sai da "terra dos bons ventos". Uma destas novidades, bem recente, por sinal, é a Rádio Momento 98.1 FM, cujo diretor é o Omar Luz, dono também do Jornal Momento, um dos mais importantes do município. Não me contive e fui visitar a emissora. Percebi equipamentos atualizadíssimos técnicamente, estúdios bonitos, bem equipados, e profissionais experientes que já fazem da emissora comunitária a mais nova sensação da cidade. Marcelo Rech, Gilmar Luz, José Vilmar, Rodrigo Pecker e Índio Rufino estão no elenco de comunicadores da Momento FM. Participei, inclusive, do programa "Encontro Nativo", apresentado por Índio Rufino, diariamente, das 17 as 19h. Na foto o registro desse encontro.

FÓRUM INTERNACIONAL DE EDUCAÇÃO

Iniciou nesta quarta-feira, 04 de agosto, na cidade de Osório, a 14ª Edição do Fórum Internacional de Educação, um baita evento do qual participam cerca de 2.000 professores e educadores com a finalidade de analisar e debater a educação brasileira, tentando sempre buscar o aprimoramento. Palestras, oficinas e relatos de experiência formam o conteúdo programático do Fórum que oferece ainda entretenimento aos participantes, na forma de bons espetáculos artísticos. Desde a 11ª edição, os serviços de sonorização, iluminação, telões e filmagens são prestados pela minha empresa, Gente Gaúcha Produções. Estamos lá, eu e a equipe de profissionais da produtora, trabalhando, aprendendo e nos divertindo um pouco também, que ninguém é de ferro. Nas fotos, a grandeza do evento que se encerra as 18 horas de sexta-feira, 06 de agosto.





terça-feira, 3 de agosto de 2010

MISSIONEIROS NO "NOITE GÁUCHA"

Pedro e Gabriel Ortaça, dois legítimos representantes da música missioneira, acompanhados do também missioneiro, trovador e comunicador Valter Portalete, me honraram com suas participações no programa "Noite Gaúcha" de segunda-feira, 02 de agosto. Entre uma prosa e outra, destaque para os CDs De Igual pra Igual, de Pedro, e Sangue, Raça e Procedência, de Gabriel, dois trabalhos de fundamento que eu recomendo aos que apreciam a autêntica música do Rio Grande. Os discos serão lançados oficialmente na noite desta terça-feira, 03 de agosto, as 20 horas, num grande espetáculo no Teatro Dante Barone da Assembléia Legislativa do Estado. O ingresso é 1 kg de alimento ou um agasalho para serem doados aos índios. Antes, as 19 horas, Pedro Ortaça recebe, merecidamente, da Assembléia Legislativa a "Medalha do Mérito Farroupilha", um dos principais simbolos de reconhecimento que um cidadão rio-grandense pode almejar.
Na foto: Portalete, Pedro, Eu e Gabriel

domingo, 1 de agosto de 2010

OS DESTAQUES DA 30ª COXILHA

Merecidamente a canção "O Arco e a Flecha", com letra de Carlos Omar Villela Gomes e Melodia de Piero Ereno, sagrou-se vencedora da 30ªCoxilha Nativista de Cruz Alta, encerrada na madrugada deste domingo, 01 de agosto. Interpretada de forma brilhante por Pirisca Grecco, é uma das mais belas obras que vi surgir em festivais nos último tempos. Levou ainda os troféus de Melhor Letra, Melhor Conjunto Vocal.
Eis a premiação completa:
ETAPA GERAL:
1º Lugar: O ARCO E A FLECHA (Carlos Omar Villela Gomes/PieroEreno)
Interpretação: Pirisca Grecco
2º Lugar: SEM TEMPO (Rômulo Chaves/Emerson Martins)
Interpretação: Emersom Martins
3º Lugar: ENCONTRO DE GERAÇÕES (Adair de Freitas)
Interpretação: Adair de Freitas
Mais Popular: ENCONTRO DE GERAÇÕES (Adair de Freitas)
Melhor Intérprete: EMERSON MARTINS (Sem Tempo)
Melhor Instrumetista: TEXO CABRAL (O Arco e a Flecha)
Melhor Letra: O ARCO E A FLECHA (Carlos Omar Villela Gomes)
Melhor Melodia: SEM TEMPO (Emerson Martins)
Melhor Indumetária: ADAIR DE FREITAS (Encontro de Gerações)
Melhor Arranjo: SONHO MATREIRO (Gilberto Lamaison/Gabriel Selvage)
Melhor Conjunto Vocal: O ARCO E A FLECHA (Pirisca Grecco e Grupo)
ETAPA LOCAL:
1º Lugar: HÁ UM JEITO DE SER DO SUL (Jorge Nicola Prado/Edison Macuglia)
Interpretação: Fabiana Lamaison
2º Lugar: MENINO DA RUA (Ruben Soares/Carlos Machado)
Interpretação: Tuny Brum
3º Lugar: PRA REPONTAR A ESPERANÇA (Maria Liria Barreto/Beto Barcellos)
Interpretação: Vinícius Costa