segunda-feira, 27 de outubro de 2014

ERNESTO FAGUNDES LANÇA CD "CRIOULO"

Recebi, e faço questão de publicar, este chasque que anuncia o lançamento do novo CD do cantor, compositor e meu amigo Ernesto Fagundes.  Durante 14 anos fui colega de Ernesto na Rádio Rural, onde ele comandava a "Hora do Mate" e eu apresentava o programa "Ronda dos Festivais". Neste período aprendi a admirar o comunicador, o artista e, sobretudo, a figura humana exemplar que ele sempre foi. Tendo o bom humor como marca registrada, Ernesto sempre foi um grande profissional e um baita parceiro.
Agradeço o convite, a consideração e garanto a minha presença neste grande acontecimento.

Baita abraço.

Eis o chasque:

Ernesto Fagundes lança seu novo álbum no Teatro do Sesc Centro
“Crioulo” será apresentado ao público, no dia 4 de novembro. Na mesma data, ocorrerá a abertura da exposição fotográfica “Os Fagundes, Uma família unida por uma paixão: a música”

        
O lançamento do disco “Crioulo”, novo trabalho do músico Ernesto Fagundes, já está confirmado para as 20h30 do dia 04 de novembro, no Teatro do Sesc Centro (Av. Alberto Bins, 665 – 2º andar), em Porto Alegre. A data de lançamento do cd foi escolhida em homenagem ao aniversário de Nico Fagundes, tio de Ernesto e parceiro do músico nas composições deste novo trabalho. Na mesma data, ocorrerá a abertura da exposição fotográfica “Os Fagundes, Uma família unida por uma paixão: a música”, que estará aberta à visitação, no Café Sesc Centro.
    O álbum “Crioulo” tem voz e bombo leguero de Ernesto Fagundes, poesia de Nico Fagundes, violão de Paulinho Fagundes e bandoneon de Martin Sued. “Nesse primeiro CD em que praticamente todas as composições são suas, Ernesto desfila zambas, chacareras, milonga, cueca, vaneira, malambo e tango de uma forma quase camerística – não é à toa que agora toca o bombo com as mãos, em vez das tradicionais baquetas”, relata o músico Arthur de Faria, na apresentação do disco “Crioulo”.
Os ingressos para a apresentação já estão disponíveis no Sesc Centro (Av. Alberto Bins, 665 – 2º) e tem o valor de R$ 5,00 comerciários e dependentes com Cartão Sesc, R$ 10,00 estudantes, classe artística e pessoas acima de 60 anos e R$ 20,00 público em geral. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (51) 3284 2070.
Exposição – A mostra “Os Fagundes, uma família unida por uma paixão: a música” estará aberta à visitação do público, a partir das 18h30 do dia 4, no Café Sesc Centro (Av. Alberto Bins, 665 – 2º andar). A exposição fotográfica, que reúne 15 imagens dos bastidores de apresentações do grupo Os Fagundes, tem entrada franca e pode ser conferida de segunda a sexta-feira, das 8h às 20h. O ensaio fotográfico é de Dulce Helfer, Djuliane Rodrigues e Eduardo Rocha. Depois de Porto Alegre, o Arte Sesc – Cultura por toda parte levará a exposição ao Interior do RS.

quinta-feira, 16 de outubro de 2014

CHAQUEÑO PALAVECINO PELA PRIMEIRA VEZ NO BRASIL


O cantor e compositor argentino, Chaqueño Palavecino, um dos maiores nomes da música folclórica da América Latina, se apresenta pela primeira vez no Brasil, num grande espetáculo programado para o dia 29 de novembro, no Clube Independente de Flores da Cunha, município da serra gaúcha.
Além de Chaqueño o show terá participações especiais dos músicos Pablo Achaval, Mirta Uguet, Natália Damiani e do grupo gaúcho Os Gaudérios. Os ingressos já estão sendo comercializados ao custo de R$ 200,00 por pessoa, com direito a táboa de frios, vinho  e água mineral.
Locais para compra antecipada de ingressos:
Galpão do Tio Ci:  54 - 3028.6964
Clube Independente:  54 -  3292.1959
Farmec Farmácia;  54 - 3221.3241
Marcelo Soares de Menezes:   54 - 9149.1828 Luciane Perini - 54- 3214.2202

Traje: pilcha ou passeio completo

Realização: Pante & Perini - Assessoria Jurídica
Produção: Acit Produtora.


CHAQUEÑO PALAVECINO – De Pura Cepa

"Brindo con la satisfacción de haber llegado a la meta de lo que considero un gran trabajo; en él se conjugó la mejor cepa de músicos, poetas, arregladores, técnicos, diseñadores, fotógrafos y colaboradores de gran creatividad; con la presencia de la pura esencia que esta en la zambas, gatos, chacareras, polkas, carnavales, taquiraris y otras melodías... Esta es la razón por la cual bauticé a mi disco número 17: "De Pura Cepa".
Infinitas gracias y todo mi respeto a quienes formaron parte de esto. Gente querida, aquí les dejo este trabajo, el cual se hizo con mucho esmero y sentimiento.Espero lo dis fruten tanto como yo."
Aquí les dejamos un adelanto de un disco inmejorable el cual contiene 16 temas que recorren una increíble variedad de ritmos, melodías y sentimientos. Siempre fiel a sus costumbres y bases musicales, el Chaqueño nos acerca en esta oportunidad  un nuevo material que promete mantenernos cautivos de principio a fin. He aquí una maravillosa y perfecta mezcla de letras, música, arreglos, una voz inconfundible y la entrega que solo este artista nos puede dar. “De Pura Cepa”, para todos ustedes.
Por: Chaqueño Palavecino




SOBRE OS ARTISTAS CONVIDADOS:

MIRTA UGUET – TANGO

http://profile.ak.fbcdn.net/hprofile-ak-xap1/t1.0-1/p200x200/10557268_10152673129037625_3173204649244551310_n.jpg

Desde El año 2006, destacados escenarios argentinos la han contado entre sus cancionistas.
Cosquín, La Falda, Las Variilas, Luque, Villa Maria, Goya, Casilda, Rosario, Esperanza, Santa Elena, Hasemkamp, Int. Alvear, Falucho, Guatraché, Colonia Barón, Bernasconi, Gral. San Martín, Jacinto Araúz, Hermoso Campo, Formosa, Pato Santo, Rio Gallegos, Puerto San Julián, Puerto Madryn, Bariloche, El Bolsón, San Martín de los Andes, Ing. White, Mercedes B., Navarro, Zárate, Baradero, Villa Ballester, San Isidro, Vte. López, Chacabuco, Chivilcoy, Ranchos, y C.A.B.A.
Un recorrido intenso, sin pausa, por el inagotable torrente de Ia CANCION CIUDADANA , la personalidad de una intérprete que a cada frase le pone el corazón, transmitiendo todo el sentimiento de una genuína exponente deli género. Sin Fronteras, Chile y Estados Unidos, afio a afio la reciben y le permiten mostrar en su personal estilo Ia poesia tanguera inmortal PATRIMONIO CULTURAL DE LA HUMANIDAD. La música fue su arraio, el canto su pasión, su infancia de barrio, de patins con malvones y tardes que anunciaban que sin duda, Regam a su encuentro la canción popular. Así nació y así creció y es et hoy que le permite a esta cantora ¡levar en su VOZ toda Ia expresión de sentirse.

NATÁLIA DAMIANI – PIANO

10562931_347405542082778_4227760468426876128_n.jpg

Natália Damiani nasceu em 1993 e iniciou seus estudos de piano em Caxias do Sul aos sete anos de idade com a Professora Vergínia Welter, e posteriormente com Esmeralda Frizzo. Em 2009 foi pianista titular da extinta Sinfônica Jovem da Universidade de Caxias do Sul, sob a regência de André Januário. No ano seguinte deu sequência aos seus estudos em Porto Alegre, com o pianista Lucas Noronha. Atualmente cursa o sétimo semestre do Curso de Bacharelado em Música na Universidade Federal do Rio Grande do Sul, na classe de piano do Prof. Dr. André Loss.
Em 2010 e 2011 participou do V e VI Festival de Musica de Santa Catarina, tendo masterclasses com FanySolter (Brasil/Alemanha), Ricardo Castro (Brasil/Suíça) e Viviane Taliberti (Brasil/Alemanha). No ano de 2013 participou também do 14° Festival de Musica nas Montanhas, tendo presença nas classes de Gilberto Tinetti (Brasil/Alemanha), Eduardo Monteiro (Brasil/França) e GuiglaKatsarava (Geórgia/França). Além destes, também participou dos Festivais de Musica de Câmara realizados em Caxias do Sul em2008 e 2009, tendo orientação de Olinda Alessandrini (Brasil) e André Carrara (Brasil).
Eventualmente participa de saraus no Instituto de Artes da UFRGS, e recentemente realizou seu Recital de Meio de Curso, interpretando pela primeira vez no sul do Brasil as Variações para recuperação de Arinuschka de ArvoPärt, e um recital dedicado à música brasileira para piano solo.
Além de suas atividades de estudo, desde 2012, Natália realiza em conjunto com o Instituto de Cardiologia de Porto Alegre um atendimento bem qualificado com musica de piano ao final da tarde. A iniciativa que começou há quase dois anos segue contando com a pianista, executando repertório devidamente apreciado por quantos circulam na casa de saúde.

PABLO ACHAVAL – FOLCLORE

http://fotos.agendacultural.buenosaires.gob.ar/pablo-achaval/imagegallery/5097-pabloachaval1.jpg

Comenzo su carrera como cantante en la ciudad de gral. San Martin, Buenos Aires -Argentina-. transita destacados escenarios siendo reconocido nacional e internacionalmente con los premios de *consagracion diamante 2005, entre rios -Argentina- y mejor interprete en el festival de la cancion folclorica de loncoche 2011 -Chile.
Edita su primer material discográfico *nacer cantando* en el anto 2005 y participa como invitado en diferentes producciones de reconocidos artistas nacionales.
El presente lo encuentra editando su nuevo disco titulado *y punto*, grabado integramente en los estúdios Fort Music de Buenos Aires por los ingenieros Oscar Gimenez Plett, Osvel Costa y Norberto Villagra. Se destacan reconocidos directores y arregladores en este trabajo: Daniel Berardi, Obi Homer, Marcelo Predacino, Eduardo Spinassi, Pablo Budini y Alejo Alvarez Quiroga, mas el aporte de músicos sesionistas. Antonio Tarrago Ros y Mario Alvarez Quiroga dan el toque distintivo a este material. Una muy buena seleccion de canciones tratadas con un cuidado estetico musical hace que se conjuguen la poesia folclorica popular, la novel composicion y la diversa coloratu de ritmos y sonidos. Junin Music de Argentina y Ocean World records de Estados Unidos, son los sellos discogr que acompaiun esta produccion. Sin duda en esta nueva propuesta *Pablo* alcanza un nivel intepretativo de excelencia eilara posicionar al artista dentro del amplio mapa musical como una de las nuevas figuras del genero popular.

OS GAUDÉRIOS – DANÇA

os gauderios 1

O GRUPO CULTURAL DE ARTES NATIVAS "OS GAUDÉRIOS" foi fundado em 21 de abril de 1977 na cidade de Caxias do Sul. Iniciou suas atividades realizando apresentações artísticas ao turismo, divulgando as tradições gaúchas.  Nestes 37 anos de existência além das apresentações em festivais e eventos a nível nacional e internacional, gravou seis DVD´S da série FESTCHÊ, DVD Tchê Barbaridade e o DVD Gaúchos de Fato. Destaca-se que, Os Gaudérios é um grupo de projeção folclórica independente.
Entre tantas atividades realizadas pelo Grupo Os Gaudérios, uma das principais foi a montagem do show RUTA DEL FOLKLORE, que além da cultura gaúcha trouxe ao público a dança folclórica de vários países: Argentina, Uruguai, Paraguai, Chile, Peru e Bolívia. Através deste espetáculo o grupo realiza shows em todo o Território Nacional e Internacional.

segunda-feira, 6 de outubro de 2014

HOMENAGEM

Esperei passar a emoção das eleições para registrar meu mais profundo agradecimento à diretoria do Grêmio Náutico Gaúcho e à patronagem do DTG Herança de Tauras, nas pessoas do presidente Nelson Heck e do patrão Alisson Paulon, pela bonita homenagem a mim dirigida na última sexta-feira, 03/10, quando tive meu retrato fixado na parede do galpão crioulo do clube, junto a “Invernada dos Patrões”. Desde então, lá estou eu, "entonado que nem pica-pau em tronqueira", ao lado no Nildo Machado, o primeiro patrão do DTG, que no dia 04 de outubro, completou 14 anos de existência. 
Fiquei feliz e emocionado com a honraria e com as palavras gentis proferidas pelo poeta Nildo, pelo patrão Alisson e pelo presidente Nelson. 
Muito obrigado, mesmo!!!
Como forma de retribuir a consideração e o carinho, fiz meu agradecimento em forma de verso. Este verso:

Homenagem é coisa buena
Não importa a razão
Chega sempre em boa hora
Como um mate chimarrão
Pode ser através de um verso
Ou mesmo de uma canção
Nos emociona e acalma
Traz alento para a alma
E jujos pra o coração

Mas que homenagem linda!
Muchas gracias, meu patrão
Será mesmo que eu mereço ?
Penso aqui com meus “botão”,
Sou apenas um gaúcho
Que gosta da tradição...
Mas tô feliz e honrado
Com meu retrato pregado
Na parede do galpão.

Que o patrão lá das alturas
Nos conceda proteção,
Nos dê saúde bastante
Pra a gente aguentar o tirão.
E eu encerro minha prosa
Com alegria e emoção.
Outra vez muito obrigado
Deixo um abraço apertado
E um beijo no coração