quarta-feira, 26 de novembro de 2014

GRANDE E FANTÁSTICO ENCONTRO


Fiquei feliz, gratificado e emocionado, por testemunhar este espetáculo que merece todos os elogios e premiações (que venha o Açorianos de novo): O Grande Encontro - Sucessos dos Festivais.
Produzido pelo Ayrton Patineti dos Anjos e sua equipe,  evento reuniu em torno de 50 artistas da maior expressão no cenário regional e nativista do  Rio Grande do Sul.  Ao todo foram 27 apresentações, das quais, algumas eu gostaria de salientar:  















Daniel Torres e Dante Ledesma em "Os Cardeais";















Victor Hugo e Marco Aurélio Vasconcellos em "Cordas de Espinho";  















Mauro Moraes e Bebeto Alves, em "Chamamecero"; 
















Ita Cunha e Joca Martins, homenageando José Claudio Machado em "Pelos"; 
















Wilson Paim e Chico Alves lembrando Leopoldo Rassier em "Sabe Moço"; 
















Arthur Bonilla e Gilberto Monteiro num solo magistral de "Pra Ti Guria"; 















Cássia Abreu, lembrando Rui Biriva com "Tchê Loco"; 















Chico Saratt e Eraci Rocha em "Pealo de Sangue"; 















Délcio Tavares em "Rancho Coração"; 















Yamandu Costa e Renato Borghetti num dueto pegado. 

Na verdade todas as apresentações foram brilhantes, mas estas que citei me emocionaram.

Também é preciso enfatizar o fato de que o novo a excelente Auditório Araujo Viana estava completamente lotado, o que vem confirmar o acerto dos organizadores e patrocinadores em apostar num evento desta magnitude. Ao arrepio deste fato, estão aqueles que teimam em afirmar que os festivais e o que resulta deles, é produto sem qualidade e sem mercado.  Pura  ilusão e um enorme erro de avaliação.  Que este exemplo sirva de incentivo aos festivais do Rio Grande.

Agradeço a oportunidade de ter estado lá e parabenizo a todos que contribuíram para este Grande e Fantástico Encontro.

Fotos: Jeandro Garcia


Nenhum comentário:

Postar um comentário