quarta-feira, 5 de junho de 2013

BUENAS COMEMORA 6 ANOS DE PROJETO



Parece que foi ontem, mas já faz seis anos que os cantores Ângelo Franco, Cristiano Quevedo, Érlon Péricles e Shana Muller se reuniram pra formar o projeto Buenas e M’Espalho.
O nome originou-se de uma matéria feita pelo jornalista Renato Mendonça, publicada no Segundo Caderno do jornal Zero Hora, justamente com este título:  Buenas e M’Espalho.
No texto, Mendonça chamava a atenção para as novas caras da musica regional gaúcha,  jovens músicos, todos interioranos,  que vieram com seus sonhos pra capital em busca de visibilidade e reconhecimento artístico.
No rastro da repercussão da matéria  de ZH,  veio o lançamento oficial do projeto num bar da cidade baixa.  Não demorou muito e surgiu o primeiro CD, que imediatamente se tornou sucesso, sendo inclusive premiado com o Troféu Açorianos de música. Dois anos depois, o segundo disco e com ele, reconhecimento, sucesso e mais Troféus Açorianos.
O tempo foi passando e o Buenas deixou de ser uma boa novidade pra tornar-se uma afirmação no ambiente da arte regional gaúcha.
Em cada espetáculo, uma legião de admiradores, maioria absoluta de jovens, que veem os integrantes do quarteto como modelos a serem seguidos, na arte a até mesmo na forma de se vestirem.
Se hoje a juventude esta mais próxima da tradição e da cultura regional, e acho que está, parte importante deste crédito deve ser atribuída  ao Buenas e M’Espalho.
Passados seis anos, a hora é de comemorar as conquistas.  E a festa é justamente nesta quinta-feira, 06 de junho, no Clube Farrapos.
Baita show do Buenas e depois, baile com João Luiz Correa.
Não dá pra perder.
Parabéns Ângelo, Cristiano, Érlon e Shana por esta união talentosa e bem sucedida de amigos.
Sinto-me privilegiado por ter acompanhado de perto esta bonita história.
Baita abraço.


Nenhum comentário:

Postar um comentário